Secretaria Municipal do Trabalho e Assistência Social participa de capacitação do CadRN em Natal.

A Secretária Municipal do Trabalho e Assistência Social, Sânsia Cristina Fernandes participou de uma capacitação do CadRN na capital do estado.

O encontro que foi promovido pela Secretaria do Trabalho, da Habitação e da Assistência Social - Sethas/RN teve o objetivo de capacitar e facilitar o acesso ao CadRN, com oficinas de capacitação do Cadastro Único do RN.

 As oficinas aconteceram na Escola de Governo durante todo o dia e foi destinada aos gestores municipais da Assistência Social, os coordenadores dos Centros de Referência da Assistência Social (CRAS e CREAS) e presidentes de conselhos municipais.

Participaram deste momento além da secretária, a assistente social Isabel Mota, Rocicleide Cortez, coordenadora do cadastro Único no município e Adriana Rocha, coordenadora do Centro de Referência de Assistência Social - Cras “Manoel Maria”.

O CADRN é um sistema de monitoramento que foi criado pelo Governo do Estado, onde o município realiza o acompanhamento de todo trabalho pelos Cras e Creas; e é uma fonte de informações do perfil populacional do Rio Grande do Norte criado por técnicos do Governo do Estado. A ferramenta permite aos profissionais da assistência social ter acesso a dados como população sem acesso a água, habitação, coleta de lixo, nível de pobreza e de alfabetização, dentre outros. O sistema poderá ser acessado por uma gama mais ampla de profissionais que precisam de dados para implementação de políticas públicas. 

Segundo Isabel Mota todas as unidades vão ser cadastradas nas unidades que trabalham e serão lançadas no sistema as ações que eles desenvolvem.

A secretária Sânsia Cristina que tomou posse no cargo esta semana está com a agenda cheia de compromissos relacionados à pasta que assumiu. “Temos em mãos uma secretaria muito importante, pois é onde lidamos com o social, e as pessoas merecem nosso respeito e atenção. As políticas públicas estarão sempre em nossa pauta, é direito de cada um que precisa dos serviços da assistência social”, Enfatizou Sânsia Cristina.

Fonte - Assessoria de Comunicação

Previous
Next Post »