7ª Conferência Municipal de Assistência Social acontece em Caraúbas-RN

A Prefeitura Municipal de Caraúbas-RN através da Secretaria Municipal do trabalho e Assistência Social realizou a 7ª Conferência Municipal de Assistência Social.

A Conferência ocorreu durante dois dias e teve abertura ontem 27 com uma palestra com tema: Garantia de Direitos no Fortalecimento do Sistema Único de Assistência Social – SUAS e deu continuidade na manhã desta sexta-feira 29. 

O evento aconteceu no salão do júri do Fórum Adv. Theotônio Neves de Brito e teve o objetivo de contribuir com o trabalho de mobilização dos usuários nas conferências, no tocante a valorização das políticas assistenciai. Norteando as prioridades orientando e subsidiando os rumos da política, garantindo os direitos sócio assistenciais de todos os usuários. 

Fizeram a composição da mesa o Chefe de gabinete Jaimar Gomes, que esteve representando o prefeito Juninho Alves, Isabel Mota representando o secretário de Assistente Social Diego Linhares; secretário de Educação Francisco Antônio, secretária de saúde Monique Barreto, assistente social da Proteção especial Patrícia Rayane, Assistente Social Viviane Praxedes, assistente social Pryscylla Rayanny Lima Vieira, professor surdo Acaci Viana, presidente do SINDSPUMC  Wésia Nogueira.

O primeiro dia foi a abertura oficial do evento com uma palestra com a diretora do hospital Regional da cidade do Apodi,RN, Aloma Tereza Cavalcante Nogueira, que na oportunidade discorreu sobre os 4 eixos Estruturantes: EIXO 1: A proteção social não contributiva e o princípio da equidade como paradigma para a gestão dos direitos sócio assistenciais. EIXO 2: Gestão democrática e controle social: o lugar da sociedade civil no Suas. EIXO 3: Acesso às seguranças sócio assistenciais e a articulação entre serviços, benefícios e transferência de renda como garantias de direitos sócio assistenciais. EIXO 4: A legislação como instrumento para uma gestão de compromissos e corresponsabilidades dos entes federativos para a garantia dos direitos sócio assistenciais.

A palestrante explicou que estes eixos foram elaborados no II Plano Decenal em 2016 e terá validade até 2026 e foram deliberados na X Conferência Nacional de Assistência Social, realizada em 2015.Para a assistente social Isabel Mota é muito importante disponibilizar os serviços e benefícios sócio assistenciais de forma acessível, pois garante sua qualificação e ampliação do conhecimento e reconhecimento das diversidades e heterogeneidade de públicos, combatendo desigualdades que expressem demandas no campo da proteção social não contributiva.

No último dia aconteceram discussões por grupos para definirem estratégias para o reconhecimento e a articulação de entidades de assessoramento, defesa e garantia de direitos, compromissadas com o desenvolvimento e a difusão de tecnologias e saberes voltados ao estímulo da participação popular e ao controle social.

Ao final foram eleitos delegados representantes que irão participar da Conferência Estadual, que acontecerá no mês de agosto entre eles, um surdo fará parte dos delegados que representarão o município.

Fonte - Assessoria de Comunicação









































































Previous
Next Post »