Município apresenta projeto de melhoramento genético voltado para criadores de Caraúbas

A Prefeitura de Caraúbas, por intermédio da Secretaria Municipal de Políticas do Campo e Meio Ambiente, realizou na tarde desta quarta-feira 29, em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Pequenas e Micro-Empresas (Sebrae), a apresentação do "Projeto Leite & Genética". O evento ocorreu no auditório da Câmara de Vereadores e foi destinado aos criadores de gado que trabalham com corte e produção de leite.

O consultor do Sebrae, Acácio Brito, palestrante do evento, explicou que o projeto trabalha com a inseminação artificial do gado para obter um melhoramento genético., visando o aumento da produção do criador e gerando mais renda para o município.

“O projeto trabalha com a inseminação artificial em tempo fixo e a inseminação invitro, mas que a prioridade é em tempo fixo. O criador para produção de leite opta por diversos planos, podendo receber visitas em sua propriedade, onde é realizada a avaliação de parte do rebanho e também dos animais que irão ser inseminados”, disse o consultor.

O secretário de Políticas do Campo, Elionaldo Benevides, destacou a importância do evento para os criadores do município e que a municipalidade vai dar total apoio técnico aos produtores. “Estamos disponibilizando apoio técnico aos criadores do município, para que estes tenham aumento da produção, seja ela de corte ou leiteira”, frisou.


Já o vice-prefeito Paulo Brasil, relatou que o município tem se preocupado com a produção de gado no município e buscado soluções para melhorar as condições dos criadores, bem como desenvolvido tecnologias para aprimorar o rebanho. 

“Os produtores vão receber assistências técnicas e visitas, que serão realizadas por unidades móveis totalmente equipadas e com profissional veterinário que avalia os animais desde o leite, até possíveis doenças que os mesmos tenham, além de fazer a inseminação e todo acompanhamento do período de gestação”, garantiu o vice-prefeito.

Inseminação
Para receber o benefício os criadores têm até próxima sexta-feira 31, para assinarem e efetuarem o pagamento do termo de adesão. Os planos para inseminação de vacas de leite tem uma contrapartida do agricultor, que pode variar de 10 animais inseminados custa R$ 1.020,00 e até 80 vacas inseminadas ao valor de R$ 2.520,00. Podendo ainda ter 10% de desconto, caso o pagamento seja feito à vista. 

Para a inseminação de vacas para o corte o valor do investimento  vai de R$ 1.512,00 para 50 animais inseminadas, até 150 animais ao valor de R$ 3.552,00.

Em Caraúbas, os interessado no projeto, podem procurar a sede da Emater, até próxima sexta-feira, das 14h as 17h30, para assinarem os contratos de adesão e efetuarem o pagamento, que também pode ser realizado através do cartão de crédito e dividido de seis a 10 vezes.

Assessoria de Comunicação PMC

Previous
Next Post »