Obrigado pela Visita

segunda-feira, 17 de abril de 2017

Profissionais do CREAS se reúnem para definir a Campanha do 18 Maio em Caraúbas


Na tarde desta segunda-feira (17), a equipe do Creas que tem como coordenadora a assistente social Valdelice Gurgel reuniu-se para debater sobre o pré-projeto da Campanha do 18 de Maio.

A reunião aconteceu na sede do Creas José Francisco dos Santos (Zé Coió), onde o pré-projeto foi apresentado ao secretário municipal do trabalho e assistência social Diego Linhares que também deu algumas orientações para as atividades. 

Foi apresentada na reunião a Assistente Social da Proteção Especial,  Patrícia Rayane que  estará  coordenando diretamente a campanha junto com a equipe do Creas. Segundo a assistente o pré projeto está em construção, pois ainda estão encaixando as instituições e  elaborando  diversas atividades.

A coordenadora Valdelice Gurgel informou que, no primeiro momento, acontecerão seminários com profissionais da educação, blitz educativa com grande mobilização,  também acontecerá um "Passeio encantado" com crianças conscientizando-as sobre violência sexual, orientando como denunciar,  se proteger e quais órgãos procurar. 

A equipe do Creas está organizando todos os detalhes, para que a sociedade civil possa participar de forma ativa.

O tema do projeto deste ano é:  "Combater a impunidade da violência sexual e garantir a proteção".   

Este ano acontecerão diversas atividades dentre elas momentos com encenação artística educativa sobre o tema, como dramatização para as crianças. 

" Essa campanha vem crescendo a cada ano e esse ano vai acontecer em desenvolvimento com várias parcerias tais como órgãos da educação, Conselho Tutelar e outras entidades ",  enfatizou Valdelice Gurgel.

Para o secretário Diego Linhares é de grande importância que esta campanha tenha abrangência em todas as entidades. 

"A violência sexual infantil tem que ser combatida de forma responsável,  e nossa meta é realizar uma campanha conjunta com toda a sociedade para combater a exploração de nossas crianças e adolescentes",  disse o secretário.

Fonte - Assessoria de Comunicação.









Nenhum comentário:

Postar um comentário